segunda-feira, 17 de setembro de 2007

DeSaBaFo

Há quem goste, ame, jura que é paixão. Talvez eu gostaria com toda a sinceridade de ter esses sentimentos pela cidade de São Paulo. Mas confesso que não tenho. E antes que alguém venha me mandar ou pedir para eu sair daqui, logo aviso: vamos com calma, ou melhor, vamos por partes. Primeiro: analisar as coisas boas daqui que ninguém esquece: as melhores baladas, os melhores restaurantes, as melhores lojas, a vida noturna que funciona 24 horas, lindos museus, ótimos cinemas, grandes teatros, além das super megas produções tanto de shows internacionais, como musicais e exposições. Para quem ama cultura como eu, se realiza numa cidade assim que te oferece de tudo a qualquer hora. Mas temos que reconhecer, que para fazer tudo isso há de ser um pouco rico, diríamos assim. Siiiiiim temos muitas coisas de graça, quem quer economizar consegue assistir bons shows na faixa, mas alguns.
Segundo: analisar os pontos negativos: São Paulo tem fila pra tudo e você perde horas e horas. Porque aqui, a hora é sagrada e por ser sagrada, voa. Ninguém tem tempo para ver seus amigos, primos ou mesmo familiares. Vai empurrando tudo para o final de semana, depois não entende porque quando chega o sábado e o domingo passa tão depressa. As vezes vc pega o carro anda 8 km e demora 1 hora e 40 minutos. Depois de passar o trânsito tenta achar uma explicação, um caminhão batido, um buraco, uma blitz, um ônibus quebrado ou a CET tentando organizar que na verdade só atrapalha e não encontra nada, então você se dá conta que tem carro demais nessa cidade. Que ao invés de investirem forte em metrô, vc escuta a nova obra genial: 6 estacionamentos subterrâneos para o paulista parar o carro. Meu Deus! Que mestre o cara que pensou nisso e aqueles que aprovaram. Fora que nada é perto, não existe nenhum incentivo para vc caminhar pelas ruas e quando caminha é quase atropelado pelo carros, porque pedestres não tem vez mesmo nas faixas e quando há faixas!! A cidade é lotada de semáforos; quando cai uma carreta na Marginal Tietê, a cidade literalmente pára! E quando chove ? Ah, quando chove a cidade alaga, as pessoas perdem tudo de suas casas, o congestionamento vira um absurdo e o aeroporto de congonhas pára. Ou seja, o caos.
Como aguém pode ser feliz aqui???? Me falem, me avisem, pq procuro isso todos os dias.

3 comentários:

Lokito disse...

foda mesmo essa city...babylon will falldown...

está sabendo do Dia Mundial sem Carro? acontece no próximo sábado em mais de 40 países..pena que em São Paulo vai passar batido

Mo disse...

Amiga Mari, sou feliz aqui porque tenho meu Ale, minha Luli e uma amiga como vc!!!!

Mari disse...

Tô sabendo... não sei se sábado a galera vai conseguir ficar sem carro, podia né? efim...

moooo fofa!!!