quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Welcome

Se me perguntarem qual foi a placa que eu segui ontem, só posso responder que era alguma coisa com welcome. Por sinal, a cada lugar que eu vou, sou recebida da mesma maneira que em Barça: Seja bem-vinda. E nessas vindas e idas, perdi a conta de quantos copos estavam na mesa: marguerita, gin tônica, cerveja, água, red bull, vodka. Sentimento lá em cima por voltar a frequentar as baladas de sampa. Saudade. E de balada em balada, terminamos a noite no trash Ventania. E ai você percebe que não existe o pause, o play, o stop. A única solução é apertar o eject! Out! Welcome to Tijuana, Zizilândia, Índia, México, Ilhas Maldivas! Ha! Agora quem atira sou eu.

Um comentário:

Zizia disse...

uaaaaaaaaaaaaallllaaaaaaaaaa!!!!!!!

LITERALEMNTE!!! Ontem muita gente saiu baleada kkkkkk. Eu on the other hand so no uoooo uoooooo me esquivando. Sai intacta porem de alma lavada. Cara!!!!!!! so tenho uma coisa a dizer, se eu achava que tava disfalcada de uma companheira no crime....agora nao mais! A balada de ontem era exatamente o que tava precisando!